Missão do Passado, na Vida Atual


Nem sempre o passado é para consertar o presente.
As vezes, o passado tem experiencias que o presente vai necessitar, e só quem passou por elas, pode usa-las.
Os Guias das Encarnações, sentiram que eu guardava recordações das Vidas Passadas.
Ha uma região no Tao Chinês, o Yin das Nuvens, que pode manter as experiencias como adornos no Espirito. "O lar natural do sábio taoista está nas montanhas. Ali, numa paisagem que supõe uma projeção do próprio tao, aprende a viver de pinhões e de fungos, a beber o orvalho e a deixar-se impregnar pela chuva celestial. Deste modo assimila as energias yang e yin não só na sua forma humana, mas também na sua forma cósmica. (Tao Philip Rawson y Laszlo Legeza) - o meu avô chinês em cartas através de uma medium amiga de minha familia, se dirgia à mim, assim: "Minha neta de agora e minha antepassada de muitas eras". O passado na Grécia, no Egito, na China, no Tibet, na India, tinhas as energias yang e yin, na sua forma cósmica - e foi fácil transceder isso para a memória na Vida na India - sem precisar encarnar na India, eu tinha que apresenta-la, a India, o Hinduismo, ao Brasil - e foi na minha lembrança, que "ainda" estou fazendo isso - o importante, é que vejo o Abismo da Vida Passada, fluir como um rio no Espaço, entre minha existencia e a outra. Missão: em mim mesma, no meu sofrimento, recebendo descrenças, e todos os contras, mas, sem depender de minhas palavras, em mim mesma, no meu ser.
Cheguei em Verona, Italia, sem o visto da Embaixada da India no meu passaporte. O Embaixador da India, foi categorico: - Não lhe dou a permissão para a India, porque você está em trânsito - você tinha que trazer do seu País!
Minha guia para a viagem, começou a chorar na Embaixada em Roma. Eu disse para ela: - Deixa eu ver o nome do Embaixador...
Vi... era Radakrishna.
Eu falei para o Emabixador: - Mr. Radakrissshna... com a suavidade como pronunciei o nome dele, o Embaixador hindu, virou-se e disse:
- Peça à Embaixada da India no Brasil, que te envie autorização!
Eu tinha uma amiga de infancia, na Embaixada dos USA em Brasilia. Telefonei para ela em Brasilia e contei o drama. Ela, Ingrid, alemã, chefe do Departamento de Segurança da Embaixada dos EEUU, se dirigiu à Embaixada da India e disse:
- A Embaixada dos EEUU se responsabiliza por Clarisse de Oliveira perante a Embaixada da India.
A India enviou autorização à Embaixada em Roma, para que eu viajasse para a India.
Isso tudo, esse milagre, um país que não é o meu, o USA, se responsabilizar por mim perante à India, eu consegui me inclinando no chão e suplicando à Yogananda:
- Suplico, faz um milagre!
Meu mestre de Krya Yoga, Paramahansa Yogananda, realizou este milagre - para que me fosse possivel localizar e reconhecer meu templo na India, onde servi, e com minha carne,
lutar para provar ao mundo, que a Encarnação existe!
Às vezes, o passado, tem que ser usado para o Presente.