Dom Avelar Brandão Vilela (Viçosa, 13 de junho de 1912 — Salvador, 19 de dezembro de 1986) foi um cardeal brasileiro.

Com apenas 33 anos foi sagrado bispo de Petrolina, arcebispo de Teresina, e em 1971 foi nomeado Arcebispo Metropolitano de São Salvador da Bahia. Em 1972 recebeu o barrete cardinalício das mãos do papa Paulo VI, em 1975 requereu da Santa Sé o Título já consagrado da primazia de sua arquidiocese, o santo padre enviou seu representante o Nuncio Apóstólico para conferir o título numa cerimônia na Catedral da Sé. Irmão do ex-senador Teotônio Vilela e tio do atual governador de Alagoas, Teotônio Vilela Filho.