Dilson Lages Monteiro Segunda-feira, 24 de abril de 2017
CRÔNICA DE SEMPRE - ROGEL SAMUEL
Rogel Samuel (atualização diária)
Tamanho da letra A +A

E O CONGRESSO?

 

 


Rogel Samuel

Oh, Amigos, não esqueçamos o futuro Congresso. Só pensamos nos quatro cavalheiros do apocalipse. Esquecemos o principal: Quem manda é o Congresso. O Poder é ele, está nele. Ele pode por um presidente de joelhos, pode tirar e por. Collor caiu porque comprou briga com as elites, isto é, com o Congresso. Pensam que foi só o PC? O Congresso é a Democracia, seja lá o que esta vazia palavra queira significar. É sempre a mesma contradição brasileira: o povão elege o presidente; as elites, o Congresso. Esta eleição talvez seja diferente, vamos ver. Sou pessimista por nascença (sou meio índio). Não é o mal quem sempre vence? - dizia o velho Marcuse. São das elites os meios de comunicação, o capital. O ultrapassadíssimo Marx dizia: "Quem detém os meios da produção material, detém os meios da produção intelectual". Democracia: não governo do "povo", mas das elites. Da 
classe dominante. Econômica. Por isso, ai Amigos, cuidado com o Congresso futuro, ele vai decidir a vida da nação (ou seja, a nossa). 
Os meios de comunicação são espertos: concentram tudo na figura do candidato a presidente. O Congresso: Nos seus corredores, nas reuniões sigilosas, nas suas comissões - lá tudo se decide. Quem governou com tão grande maioria do que FH? O Malan e o FH nada seriam sem o Congresso que lhes deu apoio, à custa sabe Deus de quê.

Há mais de vinte anos. Eu trabalhava numa faculdade particular. Meu patrão era o falecido deputado Gama Lima. Direitão (líder da Arena na Assembléia), comigo se abria:
- Deputado, quem vai ser o próximo presidente?
- O General João Batista de Figueiredo, de botas pretas, vai subir a rampa do palácio no seu garboso cavalo...
Anos depois, pergunto:
- Deputado, animado para a próxima eleição?
Ele responde:
- Ah, meu amigo, meu tempo já passou. Hoje, se você não for apoiado por um bicheiro não se elege no Rio de Janeiro.
(Isso naquele tempo. É claro.)

Na mesma época contavam (não sei se verdade) que o falecido bicheiro Castor de Andrade, riquíssimo, gostava de Johnny Mathis e para uma festa de aniversário em sua casa em Bangu simplesmente o contratou. 
Dizem que Johnny veio direto para a festa e de lá voltou para o aeroporto sem que ninguém por aqui soubesse. As más línguas afirmam, entretanto, que o cantor de "Midnight Cowboy" levou com ele um jogador do Bangu para os Estados Unidos. Mas tudo lenda daquela época, talvez.

Compartilhar em redes sociais

Comentários (0)

Deixe o seu comentário


Reload Image








Últimas matérias da coluna

23.04.2017 - A retrospectiva das horas

23.04.2017 - A SABEDORIA DO ANDAR

22.04.2017 - O BRASIL QUE VIRÁ

21.04.2017 - SOMOS MEMBROS UNS DOS OUTROS

20.04.2017 - MEUS MORTOS HÃO DE VIR NO FIM DA TARDE

20.04.2017 - E O CONGRESSO?

19.04.2017 - SER BUDISTA

18.04.2017 - POR QUE KAFKA ESCREVIA EM ALEMÃO?

18.04.2017 - CONFLUÊNCIA

18.04.2017 - Sobre a liberdade

16.04.2017 - Auto de Natal em Copacabana

15.04.2017 - A MÁSCARA DE CRISTO

15.04.2017 - BARBIROLLI NO BRASIL

14.04.2017 - GARÇA

13.04.2017 - A PAIXÃO

Ver mais
Livraria online Dicionário de Escritores Exercícios de criação literária
Entretextos Acadêmico
Rádio Entretextos
Livros online Aúdios

Imagens da Cidade Verde: entrevista com o escritor Ribamar Garcia


Os anos da juventude, entrevista com Venceslau dos Santos


Listar todos
Últimas matérias

24.04.2017 - Eliseu de Sousa Martins

O autor traça o perfil biográfico de um importante do político brasileiro, que atuou no tempo do Império.

24.04.2017 - O ódio inventado pelos bonzinhos

Por que o mundo todo pode viver e resolver seus conflitos, e nós não?

24.04.2017 - O fascínio dos nomes

Há uns anos, mandaram um fotógrafo do jornal Público para me fotografar (já nem me recordo bem a que propósito) e, quando lhe perguntei como se chamava, respondeu-me: Miguel Manso.

24.04.2017 - Aspas simples por ironia vale?

--- Tenho notado em vários textos o uso da ' (aspa simples), mesmo fora das

24.04.2017 - Dez verdades inteiras e uma mentira parcial

Está rolando este desafio no Facebook, e resolvi contribuir com os meus episódios.

23.04.2017 - A retrospectiva das horas

Alceu Amoroso Lima escrevia uma linha no fim do dia.

23.04.2017 - O começo do mundo e as sete cidades de pedra

O começo do mundo e as sete cidades de pedra

23.04.2017 - O adeus a Gomes Campos

o autor divulga texto escrito e publicado na imprensa, quando do falecimento do dramaturgo Gomes Campos, um importante intelectual piauiense.

23.04.2017 - Também existe fascismo na esquerda

Quem tem telhado de vidro não joga pedra no do vizinho.

23.04.2017 - A SABEDORIA DO ANDAR

A SABEDORIA DO ANDAR

22.04.2017 - O povoamento do Piauí

O autor faz análise crítica sobre obra historiográfica e sobre a colonização do Piauí

22.04.2017 - Poesia de Hoje

Versos Atuais.

22.04.2017 - O BRASIL QUE VIRÁ

O BRASIL QUE VIRÁ

21.04.2017 - C@ARTA AO POETA CHICO MIGUEL

Diria que o amigo é um poeta do coração e da razão, no perfeito equilíbrio dessas duas vertentes.

21.04.2017 - SOMOS MEMBROS UNS DOS OUTROS

Isto é citado por Laín Entralgo

ENTRETEXTOS - DÍLSON LAGES MONTEIRO
Baloon Center, Av. Pedro Almeida nº 60, Sala 21 (primeiro piso) - São Cristóvão - Teresina - Piauí - CEP: 64052-280 Fone (86) 3233 9444
e-mail: dilsonlages[@]uol.com.br